O emblemático Monte Everest

Mount EverestFonte: ABC NewsStock PhotoGetty

O que falar desta emblemática montanha que alguém sempre está tentando escalar? O seu pico é a fronteira internacional entre o Nepal e a China, e os primeiros esforços já registrados para subir ao pico foram feitos por montanheiros britânicos. Como o Nepal não permitia a presença de estrangeiros em seu país naquela época, os britânicos realizaram diversas tentativas na rota norte do lado tibetano, alcançando 7.000 metros em 1921.

Uma expedição de 1922 chegou ainda mais longe e chegou a 8.320 metros, sendo os primeiros humanos a escalarem mais de 8.000 metros. Já pensou quantas fichas de pôquer seriam necessárias para alcançar o topo do Monte Everest? Continue lendo este artigo para mais curiosidades e informações importantíssimas sobre esta maravilha natural.

As suas primeiras medições

Gaming Club Casino: Subindo o Monte EverestFonte: Pixabay

Os Himalaias (a cadeia montanhosa mais alta do mundo) foram formados pela colisão contínua das Placas Indianas e da Eurásia e elas ainda permanecem muito ativas. Mas, claro, antigamente a tecnologia ainda não era lá essas coisas, e os observadores passaram séculos tentando descobrir a altura exata do Monte Everest. Até que na metade do século XIX, Andrew Waugh e sua equipe de observadores quebraram barreiras e usaram um método chamado de triangulação.

Os observadores analisaram o pico a partir de diversos pontos diferentes e ao conhecerem a distância dos pontos até a montanha, conseguiram medir o ângulo a partir do pico do Everest até os seus pontos de observação. Para isso, eles teriam que saber a sua própria elevação acima do nível do mar, e com a distância e o ângulo, uma trigonometria básica foi usada para calcular a altura da montanha em relação ao observador. Complexo e interessante, correto?

A equipe chegou a uma precisão surpreendente de 8,84 quilômetros. Hoje, uma medição muito mais precisa já é possível graças a satélites e ao GPS.

Números oficiais e atuais

Gaming Club Casino: Caminho para o acampamento base do EverestFonte: Templo do Tigre do Nepal

Os resultados de uma pesquisa indiana realizada entre 1954 e 1955 ainda são usados hoje em dia para determinar o quão alto é o Monte Everest. Os resultados também foram comprovados pelos chineses em 1975.

A altura dessa fascinante maravilha é de 8,848 (29.029 pés) e muitos cuidados foram tomados na época para realizar a medição. Um planejamento cuidadoso foi feito levando em consideração a dificuldade do terreno e a falta de transporte. O Monte Everest foi observado a partir de 8 estações e o exercício foi realizado levando em consideração diversos fatores como o desvio da vertical e a refração. Os exercícios também foram realizados em locais mais próximos à cadeia de montanhas do que quase 100 anos antes.

O Monte Everest está encolhendo ou crescendo?

Por ter sido formado entre placas tectônicas, o Monte Everest também pode sofrer mudanças nas suas elevações. Terremotos constantes afetam a elevação, enquanto alguns terremotos menores causam avalanches e removem apenas alguns metros de rocha do pico da montanha. Entretanto, é sabido que o movimento pode aumentar a elevação em até cinco metros em um curto período e porções inteiras da cadeia de montanhas estão subindo todo ano.

Um grande debate atual é se o grande e devastador terremoto que afetou o Nepal em 2015 (magnitude de 7,8), que tirou a vida de quase 9.000 pessoas, teve algum impacto sobre o tamanho da montanha. Com base em observações de satélite, alguns cientistas sugerem que o terremoto fez com que o Monte Everest encolhesse.

Para acabar de vez com essa dúvida, o governo indiano está na etapa final para medir novamente a montanha. Eles acreditam que as pesquisas durarão diversos meses para planejar, monitorar o clima e obter as autorizações legais, e que levará aproximadamente um mês e meio para que os dados das observações e computação sejam coletados para o resultado final. Os cientistas envolvidos no projeto usarão GPS e dados do terreno e triangulação para uma melhor precisão nos métodos de coletas de dados.

A zona da morte

Gaming Club Casino: Cimeira do Monte EverestFonte: Revista Blog de Escalada

A zona da morte está localizada em altitudes maiores do que 8.000 metros e os aventureiros enfrentam diversos desafios para a sua sobrevivência, pois as temperaturas podem cair, resultando no congelamento de partes do corpo expostas ao ar. Para se ter uma ideia, leva cerca de 12 horas para caminhar uma distância de apenas 1,72 quilômetros. Diversas mortes já foram relatadas por aventureiros, por tanto, se quiser escalá-lo algum dia, tome cuidado.

Os maiores retornos do esporte Os cassinos mudaram